Saturday, August 02, 2008

Partilha

Não te posso ajudar, lamento (esta palavra teima em fazer parte da minha pele). Renasce-te na música, provoca a tua própria ressurreição e ouve de novo a musica, mas com os sentidos corrompidos pelo direito de seres triste. Maravilha-te com ela, mas nada mais posso fazer porque o céu hoje adormeceu negro.
A minha mão também esta cicatrizada, também foi humilhada e violentada, sobretudo quando demonstrava compaixão. Ninguém perdoa o coração, ninguém enfrenta o herói negro que renasce do Homem que arranca o coração. Ouve a música e deixa que ela te aqueça e te adormeça, porque o dia amanha é o ciclo da constelação.
Mas não te concentres na vingança, ouve a musica, ouve o cantar das estrelas que velam por ti. Sente a tua tristeza tão humana que te torna Homem em vez de Monstro. Chora lágrimas transparentes quando as notas dos instrumentos forem os cortes fundos e intencionalmente fatais, feitos, sem hesitação, na tua alma.
Consegues renascer se aceitares que o fim chegou. Tens o dom de ouvir o mundo com cores e depositas na musica a constelação de toda e qualquer esperança que te possam roubar. Ouve a musica e sorri, é esse o segredo.