Friday, October 06, 2006

A Metáfora

Entrou na sala. Puxou a cadeira e sentou-se. Serenamente, abriu o velho caderno e puxou o cabelo loiro comprido para trás.
O professor falou de lógica e de raciocínio. Ele bocejou. Aquilo era muito interessante, sim, mas se se beber café. O homem falava de mais. Pior, falava para si próprio, não para os alunos.
Depois, o homem usou um acetato. Não sabia trabalhar com o retoprojector e a imagem ia ficando cada vez mais desfocada. E, então ele, o loiro de olhos azuis sonolentos acordou. De repente, despertou para a realidade através da metáfora: quanto mais perto se puser o retroprojector da imagem reflectida, mais desfocada esta fica. Para se ver com nitidez é necessário o afastamento .
Como a vida, quando a vemos muito de perto, quando é monótona fica desfocada, desinteressante. É necessário , por vezes, afastarmo-nos para repararmos nas pequenas coisas – as tais que nos fazem felizes- para lhes darmos a devida importância. Para as focarmos .Para elas nos focarem a nós.
O rapaz loiro escreveu o texto, distraído, sobre a pequena felicidade , sobre o prazer de simplesmente viver. De simplesmente fazer um pensamento com lógica.De sentir o vento a bater na cara avivando boas recordações. Ou de simplesmente bocejar quando se tem sono. Pequenos prazeres, como dizia o filósofo grego Epicuro.
E o homem, o tal que dizia coisas importantes de forma desfocada, continuou a falar, enquanto alguém, sentado no fim da sala a escrevinhar num caderno velho distraidamente, sorria. Tinha encontrado a solução para a equação que tanto procurara.
A Filosofia era, de facto , muito interessante. Até para um matemático como ele o era, o loiro de olhos azuis profundos e inteligentes.

5 comments:

Alice in Wonderland said...

Para compreendermos a vida devemos afastar-nos dela. Mas para a vivermos temos por vezes de perder essa visão, estar constantemente desfocados. Tal como na fisica de Heisenberg, é impossivel saber em simultaneo a posiçao e velocidade dum electrão.
Não queiras para já saber os estás... aproveita a velocidade que levas. De vez em quando podes sempre perder-te um pouco e localizar-te!

beijos Pan :)

Wings said...

'Se nunca te perdeste, como sabes que te encontraste?'
Sim é verdade e faz todo o sentido, é impossivel saber em simultaneo a posiçao e a velocidade de um electrao. E é igualemnte verídico que é bom perdemo-nos, para depois termos o prazer de nos locarlizar-mos.Pequenos prazeres.

bjs Kirjava :)

Lua said...

Muitas vezes só nos apercebemos da realidade quando nos afastamos dela. É nesses momentos que nos apercebemos como algo ou alguém é tão importante para nós. "Viver na realidade" tem assim o seu preço. Mas viver à margem dessa realidade, na tal imagem desfocada, também tem o seu preço... Tem o preço de não se viver intensamente cada momento,viver como se tudo fosse apenas um filme...

Adorei!
Beijinhos

Wings said...

Concordo inteiramente contigo Lua!É preferível pagar o preço de se viver (realmente!) a pagar-se o preço de ser-mos espectadores da nossa própria vida. É das coisas mais tristes a fazer-se.

Obrigada pelo comment, gstei muito :D

freefun0616 said...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,