Sunday, September 24, 2006

Momento de Poesia

Agora que o silêncio é um mar sem ondas
E que nele posso navegar sem rumo,
Não respondas
Às urgentes perguntas
Que te fiz.
Deixa-me ser feliz
Assim,
Já tão longe de ti como de mim.
Perde-se a vida a desejá-la tanto.
Só soubemos sofrer, enquanto
O nosso amor
Durou.
Mas o tempo passou,
Há calmaria...
Não perturbes a paz que me foi dada.
Ouvir de novo a tua voz seria
Matar a sede com água salgada.

Miguel Torga

4 comments:

Alice in Wonderland said...

Adoro este poema. Ha memorias que devem permencer sempre memorias. Revive-las, é exactamente como matar a sede com água salagada. Não há melhor forma de o dizer...

Wings said...

Once again, quando encontrei o poema, lembrei-me de ti.Achei que ias gostar.

Keep Cool Pantalaimon!

Lua said...

“Ouvira dizer que com os anos chega a sabedoria, e ele esperara, confiado em que tal sabedoria lhe oferecesse o que mais desejava: ser capaz de conduzir o rumo das recordações e não cair nos laços que estas frequentemente armavam.”
(Luís Sepúlveda in O velho que lia romances de amor)

Confesso que não gosto muito de Miguel Torga, mas acho que era porque não conhecia este poema... Ao lê-lo, senti a minha vida retratada nele. Há alturas em que uma voz nos relembra o que custou tanto esconder nos recantos mais sombrios da nossa mente. E o sofrimento, às vezes, termina numa paz que, no fim, sabe tão bem.

Beijinhos*

freefun0616 said...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,